Companhia de Jesus celebra ordenação de 7 novos diáconos

A Ordenação Diaconal de sete jovens jesuítas, celebrada na noite do último sábado (6/12), foi um tempo de profunda oração e alegria, na reunião da comunidade dos fiéis da Paróquia Santíssima Trindade, o corpo apostólico da Companhia de Jesus e da amada Arquidiocese de Belo Horizonte, em torno dos votos que fizeram Stivel Toloza, Fêlix Lopes, Barthoniej Piotr, Cleiton Nery, Fabian Tejeda, Gonzalo Benavides e Mariano Torres.

A alegria em receber a celebração de ordenação diaconal dos companheiros jesuítas foi ressaltada pelo pároco da Santíssima Trindade, padre Donizetti Venâncio, SJ. “Este é um momento no qual sentimo-nos parte deste corpo, no sentido de pertença à Igreja. Hoje é dia de festa, pois vamos concluindo o ano, com uma grande celebração”, disse o pároco.

Sacerdotes, religiosas e religiosos, diáconos e diversos agentes pastorais uniram-se aos eleitos e seus familiares para, por meio da imposição de mãos e oração do bispo referencial para a Região Episcopal Nossa Senhora da Conceição, Dom Edson Oriolo, suplicar a Deus os dons do Espírito Santo sobre os eleitos para a vivência do ministério do diaconato.

O Provincial do Brasil da Companhia de Jesus, padre João Renato ao pedir o sacramento da ordem para os eleitos, deu o testemunho da caminhada de formação vivida por eles. Seu testemunho, considerando-os dignos para a ordem do diaconato, deu início ao rito a consagração.

Nesse rito, os eleitos afirmaram querer assumir o serviço à Igreja, no desempenhar o ministério dos diáconos para o bem do povo cristão, no guardar o ministério da fé e proclamá-la conforme o evangelho e a tradição da Igreja. Diante de dom Edson Oriolo, os eleitos prometeram respeito e obediência ao bispo diocesano e ao legítimo superior.

Ao entregar o livro dos Evangelhos aos jovens consagrados no primeiro grau do Sacramento da Ordem, Dom Edson roga para que a fé seja viva no anúncio que será feito por eles, agora constituídos mensageiros da Palavra de Deus. O rito foi finalizado com o sinal da paz e o abraço concedido pelo bispo e entre os, agora, diáconos da Igreja.

A importância da celebração estava revelada no altar da igreja Nossa Senhora da Paz (Cristina B). O corpo apostólico da Província Brasil da Companhia de Jesus representado pelo padre provincial, João Renato Eidt e os mais de 20 sacerdotes presentes.

A preparação de anos, exigência para a excelente formação dos padres e irmãos jesuítas, destaca o tempo investido por esses jovens, os esforços, a dedicação e a busca por superações. Esses jovens integrantes da família jesuíta estão alcançando o primeiro grande sonho que possuem, que é a ordenação, recorda padre João Renato.

“Alegramo-nos que mais jovens se entregam neste ministério diaconal, pois assim vamos fortalecendo cada vez mais a vida e a missão da companhia”, disse ele, ao ressaltar que muita vida e muitos esforços são investidos para que eles tenham boa formação, chegando a este momento ordenados diáconos, e em seguida sacerdotes.

Participação dos Jesuítas

Além do provincial do Brasil, estavam lá os padres provinciais da Colômbia e dos Estados Unidos. O padre Mieczyslaw Smyda superior da Plataforma Leste, que compreende os estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, acompanhado de outros superiores de plataforma também celebraram a eucaristia na Santíssima Trindade.

Como diziam algumas senhoras presentes na celebração, ‘era padre para todo lado’, entre os quais todos os que colaboram na Paróquia Santíssima Trindade (Delmar, Elton, Jackson e Carlos Cardoso), o pároco Donizetti e também o vigário, Roberto Albuquerque.

Também colaborador na missão da paróquia, padre Edison de Lima é o reitor do Teologado da Província Brasil e responsável direto pela formação dos jovens ordenados nesse sábado. Outros diretores e colaboradores de obras da Companhia de Jesus também participaram.

Dom Edson

Há pouco mais de cinco meses à frente da Região Episcopal Nossa Senhora da Conceição na Arquidiocese de Belo Horizonte, Dom Edson Oriolo, esteve na Paróquia Santíssima Trindade em duas ocasiões. Na primeira, em setembro, crismou 195 jovens. Agora, presidiu sua primeira ordenação diaconal, nesta paróquia e na presença da grande família jesuíta.

“Considero uma ocasião de muitas bênçãos e graças da vontade divina, por ser a minha primeira ordenação que presido enquanto bispo. Sou imensamente grande pelo convite. Na pessoa do superior imediato desses jovens, padre Edison de Lima, agradeço por me dar a oportunidade de presidir tão digna oração eucarística, na qual sete membros de sua família religiosa se apresentam para receber o ministério diaconal”.

Ao dirigir-se aos eleitos, destacou que devem ser imagem do cristo que veio não para ser servido, mas para servir e para com ele chegar à gloria de Deus. Com uma pequena diferença, por serem diáconos na companhia de Jesus, abracando o carisma inaciano, devem servir à igreja e no mundo com suas características marcantes:

  • Servir a partir de uma profunda identificação pessoal com Jesus. Identidade da companhia de Jesus.
  • Servir como contemplativos na ação.
  • Servir em profunda comunhão entre si, com a igreja e com o Pai.
  • Servir em solidariedade com os empobrecidos e sendo evangelizados por eles.
  • Servir com a abertura de espírito, unindo forcas e esforços com todos os que defendem a vida.

Dom Edson reforçou o desejo de que os jovens diáconos aproveitem do carisma inaciano para servir com competência, inteligência e criatividade, resignando o mundo com a boa nova do Evangelho.

É preciso que servir com disponibilidade de missionário e com audácia e coragem, disse dom Edson aos novos diáconos. Parafraseando o papa Francisco, desejou-lhes “que a fraqueza e o pecado não sejam desculpas para não servir. E que ninguém lhes roubem a alegria de servir a Deus na pessoa dos irmãos”, concluiu.

O sacramento da Ordem

Para compreendermos e aprendermos o significado desta celebração, vale a pena recordar que o diaconato, que está presente desde o inicio da igreja, origina-se na escolha de sete homens de boa reputação, repletos do espírito santo e de sabedoria. O diaconato foi consolidado, posteriormente, como primeira etapa ou grau do sacramento da ordem.

O Concílio Vaticano II, considerando a Igreja como povo de Deus, deu ao diaconato uma consistência ministerial própria, atribuindo várias faculdades litúrgicas a quem dele faz parte, mas, principalmente, aos ofícios de caridade e evangelização.

Ao conceder tão variados ministérios e carismas, a atenção dos padres conciliares se volta para a recuperação à comunidade eclesial de ministros que pudessem oferecer serviços qualificados e ágeis. Os diáconos se tornam presença de Cristo, pois sempre se atualizam e expressam a Igreja Servidora.

“São investidos na missão de servir e devem ser reconhecidos com suas prerrogativa ministeriais como verdadeiros colaboradores do bispo e dos presbíteros, sobretudo no serviço da palavra, da liturgia e da caridade”, disse Dom Edson Oriolo.

Com a imposição das mãos do bispo sobre a cabeça dos ordenados e da oração consecratória especifica para esta celebração, pede-se a Deus, a efusão do Espírito Santo e dos seus dons apropriados ao ministério para o qual o candidato é ordenado.

O diácono recebe a imposição das mãos não para o exercício sacerdotal, mas para o ministério da diaconia. Ao receber este grau sacramental o diácono é consagrado para estar a serviço da comunidade dos fiei, em sintonia com o bispo, do qual o ministério participa.

A ele compete a tríplice dimensão do diaconato: serviço da caridade, serviço da palavra profética e serviço da liturgia.

  • Pregar com autoridade a palavra de Deus.
  • Ajudar o bispo e os presbíteros nas celebrações.
  • E por se a serviço do povo cristão nas obras de caridade.

Veja outras fotos em nosso FLICKR. Outros vídeos em nosso canal no Youtube. Inscreva-se em nossa página no Facebook.

Obrigado por comentar e compartilhar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s