É para a liberdade que Cristo nos libertou – Tráfico Humano

Tráfico-de-Pessoas1

A Campanha da Fraternidade de 2014 apresenta uma temática que ao primeiro olhar parece estar distante da realidade de nossa Paróquia. Ao adentrar neste universo proposto pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, tendo a Palavra de Deus como sustento, há se chocar e se sentir desafiado a transformar a realidade dos nossos irmãos e irmãs atingidos pelo tráfico humano e que não têm a garantia da vida em plenitude.

Ao discutir Fraternidade e Tráfico Humano, a CF-2014 nos ajuda a identificar as práticas deste mal em suas várias formas e denunciá-lo como violação da dignidade e da liberdade humana. Para a CNBB, é uma oportunidade de mobilizar cristãos e toda a sociedade brasileira para erradicar as práticas do tráfico humano, com vista ao resgate da vida dos filhos e filhas de Deus.

Para ajudar-nos na compreensão do mal que é o tráfico humano, seja qual for a sua intensão, vamos reunir nesta página, as principais definições apresentadas pelo Texto Base da CF-2014. E para começar, trazemos a percepção da Igreja diante do tema.

TRÁFICO HUMANO

O tráfico humano é um crime que atenta contra a dignidade da pessoa, já que:

  • explora o filho e a filha de Deus,
  • limita suas liberdades,
  • despreza sua honra,
  • agride seu amor próprio,
  • ameaça e subtrai sua vida.

Não importa quem seja:

  • mulher,
  • criança,
  • adolescente,
  • trabalhador/a,
  • cidadão/ãs fragilizados/as por sua condição socioeconômica e/ou por suas escolhas individuais…

Tornam-se alvo fácil para as ações criminosas de traficantes.

“O tráfico de pessoas é uma atividade desprezível, uma vergonha para as nossas sociedades que se dizem civilizadas!”, argumentou o Papa Francisco, ao se referir sobre a prática do tráfico humano, uma das questões sociais mais graves da atualidade.

Não há país livre do tráfico de pessoas, seja como ponto de origem do crime, seja como destino dos traficados.

É preciso ficar atento às formas como os criminosos exploram as pessoas. Eles agem em diversas atividades, seja:

  • construções,
  • confecções,
  • entretenimento,
  • sexo,
  • serviços agrícolas,
  • serviços domésticos,
  • adoções ilegais,
  • remoção de órgãos…

O tráfico humano é um crime multifacetado, altamente lucrativo, silencioso, de baixíssimo custo e de poucos riscos para os traficantes, mas de uma enorme falta de sensibilidade com a mais preciosa criação de Deus, seus filhos e filhas, nossos irmãos e irmãs.

cf

Obrigado por comentar e compartilhar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s